Universidade Positivo cria grupo de apoio para vítimas de violência doméstica

Com o objetivo de acolher pessoas que estejam ou estiveram em relacionamentos abusivos ou em situações de violência doméstica, o Centro de Psicologia da Universidade Positivo criou o projeto ”VIDORA” (Violência Doméstica e Relacionamento Abusivo). A iniciativa envolve estudantes do curso de Psicologia da instituição, que, sob supervisão de professores, realizam o acompanhamento psicológico de cinco grupos: mulheres, homens, adolescentes, LGBT+ e estudantes da universidade.

De acordo com a coordenadora do projeto, professora Valéria Ghisi, o VIDORA é importante também para os alunos de Psicologia. “É por meio dessas experiências supervisionadas que eles podem adquirir experiência prática, além de ser uma forma de devolvermos o conhecimento à sociedade”, explica. Para Valéria, o projeto é fundamental nos dias de hoje. “A violência doméstica e os relacionamentos abusivos se tornaram um problema grave da nossa sociedade e não podemos ficar indiferentes a isso”.

Os encontros semanais são gratuitos e têm início na segunda-feira (15), no câmpus sede Ecoville. O projeto conta, ainda, com plantão de atendimento para a comunidade, psicoterapia individual, palestras e grupos de conversa. “Com uma diversidade de grupos, pretendemos abranger a sociedade como um todo, a fim de mobilizar e criar uma consciência coletiva para esse assunto tão grave”, explica a professora.

As inscrições estão abertas e podem ser realizadas durante toda a duração dos grupos. Os interessados podem entrar em contato com o Centro de Psicologia da Universidade Positivo, indicando o interesse em participar de qualquer uma das atividades desenvolvidas pelo projeto, por meio dos telefones: (41) 3317-3169 ou (41) 3317-3266.

 

Serviço

Grupos de apoio – violência doméstica e relacionamento abusivo – Primeiros encontros

Grupo de alunas da UP: segunda-feira (15), às 14h

Grupo de mulheres: terça-feira (16), às 14h e quarta-feira (17), às 18h

Grupo de adolescentes: quarta-feira (17), às 13h30 e quinta-feira (18), às 16h

Grupo de homens: quarta-feira (17), às 20h

Grupo de LGBT+: quarta-feira (17), às 18h e quinta-feira (18), às 8h

 

Local: Universidade Positivo – Câmpus Ecoville | Rua Professor Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300 – Ecoville | Centro de Psicologia – Bloco Amarelo

Mais informações e inscrições: projetovidora@gmail.com | (41) 3317-3169 ou (41) 3317-3266.

Valor: Gratuito

 

Sobre a Universidade Positivo

A Universidade Positivo concentra, na Educação Superior, a experiência educacional de mais de quatro décadas do Grupo Positivo. A instituição teve origem em 1988 com as Faculdades Positivo, que, dez anos depois, foram transformadas no Centro Universitário Positivo (UnicenP). Em 2008, foi autorizada pelo Ministério da Educação a ser transformada em Universidade. Atualmente, oferece mais de 50 cursos de Graduação presenciais, quatro cursos de Doutorado, sete cursos de Mestrado, mais de 190 programas de Especialização e MBA, sete cursos de idiomas e dezenas de programas de Extensão. A Universidade Positivo conta com três unidades em Curitiba, uma unidade em Londrina (PR), uma unidade em Joinville (SC), além de polos de Educação a Distância (EAD) em mais de 50 cidades espalhadas pelo Brasil. Em 2018, a Universidade Positivo foi classificada entre as 100 instituições mais bem colocadas no ranking mundial de sustentabilidade da UI GreenMetric.