• Doutora
  • Professora
  • Direito
  • Mestrado em Direito
  • Relações Internacionais

Conosco desde 23/02/2015

Produções

Produção bibliográfica

    Artigos completos publicados em periódicos(16)


      BUENO WANDSCHEER, CLARISSA; DOBROVOLSKI NORBERTO, ALINE ; NANAMI, AYUMI STELLA. DESENVOLVIMENTO HUMANO E SUSTENTÁVEL NA PERSPECTIVA DA PESQUISA ACADÊMICA E NA ATUAÇÃO LEGISLATIVA. REVISTA DIREITO EM DEBATE. v. 27, p. 87-101, issn: 2176-6622, 2019. Ler na íntegra

      Qualis: Não identificado (REVISTA DIREITO EM DEBATE)

      MÂNICA, Fernando B.; WANDSCHEER, Clarissa Bueno. Desenvolvimento humano e sustentabilidade: as parcerias público-privadas na gestão de resíduos sólidos.. ARGUMENTUM (UNIMAR). v. 18, p. 479-501, issn: 2359-6880, 2017.

      Qualis: Não identificado (ARGUMENTUM (UNIMAR))

      VENTURI, Thaís Goveia Pascoaloto; WANDSCHEER, C. B.. O Desenvolvimento Sustentável e algumas Considerações Críticas ao Modelo Econômico Capitalista. NOVOS ESTUDOS JURÍDICOS (ONLINE). v. 21, p. 670-699, issn: 2175-0491, 2017.

      Qualis: Não identificado (NOVOS ESTUDOS JURÍDICOS (ONLINE))

      VENTURI, Thaís Goveia Pascoaloto; WANDSCHEER, C. B.. DESENVOLVIMENTO HUMANO E PRODUÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA NO BRASIL: UMA DISCUSSÃO SOBRE OS IMPACTOS. REVISTA JURÍDICA (FURB. ONLINE). v. 21, p. 109-132, issn: 1982-4858, 2017.

      Qualis: Não identificado (REVISTA JURÍDICA (FURB. ONLINE))

      WANDSCHEER, C. B. Unidades de Conservação e violação dos objetivos legais de proteção. REVISTA DIREITO AMBIENTAL E SOCIEDADE. v. 6, p. 201-224, issn: 2237-0021, 2016.

      Qualis: Não identificado (REVISTA DIREITO AMBIENTAL E SOCIEDADE)

      WANDSCHEER, CLARISSA BUENO. Desenvolvimento de bionegócios e conhecimento tradicional: uma análise de suas influências nas populações tradicionais no Brasil. REVISTA BRASILEIRA DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO. v. 4, p. 50-68, issn: 2317-2363, 2016. Ler na íntegra

      Qualis: Não identificado (REVISTA BRASILEIRA DE PLANEJAMENTO E DESENVOLVIMENTO)

      WANDSCHEER, C. B.; MYSZCZUK, A. P. ; CAVALHEIRO, K. C.. Atividade empresarial, responsabilidade social, accountability ambiental e sustentabilidade: uma análise a partir de Hans Jonas. LEGIS AUGUSTUS - PERIÓDICO CIENTÍFICO DO CURSO DE DIREITO DA UNISUAM. v. 2, p. 31-42, issn: 2179-6637, 2012.

      Qualis: Não identificado (LEGIS AUGUSTUS - PERIÓDICO CIENTÍFICO DO CURSO DE DIREITO DA UNISUAM)

      MYSZCZUK, A. P. ; WANDSCHEER, C. B. ; SANTOS, R. R. dos. Organismos Geneticamente Modificados e Reparação de Danos ao Meio Ambiente: breves considerações sobre a legislação aplicável. Revista de Politicas Publicas (UFMA). v. 15, p. 43-52, issn: 0104-8740, 2011.

      Qualis: Não identificado (Revista de Politicas Publicas (UFMA))

      MYSZCZUK, A. P. ; WANDSCHEER, C. B. ; CAVALHEIRO, K. C.. Accountability socioambiental, lei e mercado: novas estratégias de defesa do meio ambiente no século XXI. RDF - Revista de Direito da FESP. v. 1, p. 40-52, issn: 2236-6261, 2011.

      Qualis: Não identificado (RDF - Revista de Direito da FESP)

      WANDSCHEER, C. B.; MYSZCZUK, A. P. ; CAVALHEIRO, K. C.. Políticas Públicas e meio ambiente: mecanismos de controle das mudanças climáticas. Lumiar (UEPG). v. 3(1), p. 77-91, issn: 1981-4097, 2011.

      Qualis: Não identificado (Lumiar (UEPG))

      MYSZCZUK, A. P. ; WANDSCHEER, C. B. ; GLITZ, F.. Segurança Alimentar e Consumo: Rastreabilidade e Certificação de Grãos GM e NON-GM. Revista CESUMAR. v. 5, p. 125-145, issn: 1516-2664, 2010.

      Qualis: Não identificado (Revista CESUMAR)

      SOUZA FILHO, C.F.M. ; WANDSCHEER, C. B. ; PACHECO, R. A. S. ; SOUZA, T. B. M. ; GUARANY, V. M. M. ; PACHECO, C. R. ; BONIN, L. X. ; FRANÇA, A.. Série Pensando O Direito - Estatuto dos Povos Indígenas. Série Pensando o Direito. v. 19, p. 1-59, issn: 2175-5760, 2009.

      Qualis: Não identificado (Série Pensando o Direito)

      WANDSCHEER, C. B. O Direito e sua contribuição para a expansão do sistema econômico capitalista de produção: o caso das sesmarias brasileiras, das leis trabalhistas e do regime de propriedade intelectual brasileiro. Revista Estudios Sociales Comparativos. v. 3, p. 74-100, issn: 1909-6496, 2009.

      Qualis: Não identificado (Revista Estudios Sociales Comparativos)

      WANDSCHEER, C. B.; BESSA, F. L. B. N.. DIREITOS INDÍGENAS E POLÍTICAS PÚBLICAS: ANÁLISE A PARTIR DE UMA REALIDADE MULTICULTURAL. Direitos Culturais. v. 4, p. 123-140, issn: 1980-7805, 2009.

      Qualis: Não identificado (Direitos Culturais)

      WANDSCHEER, C. B.; SOUZA FILHO, C.F.M.. Biodiversidad y sociodiversidad: el derecho en crisis. El Otro Derecho. v. 39, p. 53-65, issn: 0122-2252, 2008.

      Qualis: Não identificado (El Otro Derecho)

      WANDSCHEER, C. B. A cidade: um direito coletivo dos seus habitantes. Escritos (Curitiba). v. 4, p. 107-127, issn: 1807-2038, 2008.

      Qualis: Não identificado (Escritos (Curitiba))


    Livros publicados/organizados ou edições(4)


      WANDSCHEER, CLARISSA BUENO; SOUZA FILHO, C.F.M. (Org.). Mineração e Povos Indígenas: Brasil, Colômbia, Bolívia, Peru e Equador. 1 ed. Curitiba: Letra da Lei, 2016. v. 1, p. 121.

      SOUZA FILHO, C.F.M. (Org.) ; WANDSCHEER, C. B. (Org.) ; SILVA, L. A. L. (Org.). Biodiversidade, espaços protegidos e populações tradicionais. 1 ed. Curitiba: Letra da Lei, 2013. p. 402.

      PIOVESAN, F. ; SOUZA FILHO, C.F.M. ; WANDSCHEER, C. B.. Código de Direito Internacional dos Direitos Humanos - Anotado. 1 ed. São Paulo: DPJ Editora, 2008. v. 1, p. 1530.

      WANDSCHEER, C. B. Patentes Conhecimento Tradicional. Curitiba: Juruá Editora. Patentes Conhecimento Tradicional. Curitiba: Juruá Editora, 2004. v. 1, p. 182.


    Capítulos de livros publicados(17)


      WANDSCHEER, C. B. O Princípio da Solidariedade Diante da Sociodiversidade e da Biodiversidade e dos Limites do Planeta. Em: Cleide Calgaro; Liton Lanes Pilau Sobrinho; Agostinho Oli Koppe Pereira. (Org.). Novas tecnologias, direito socioambiental e consumo na sociedade moderna. 1ed.Itajaí. : UNIVALI. 2017.v. 1, p. 74-91.

      WANDSCHEER, CLARISSA BUENO. Uma Pequena Incursão Histórica. In: Clarissa Bueno Wandscheer; Carlos Frederico Marés de Souza Filho. (Org.). Mineração e Povos Indígenas: Brasil, Colômbia, Bolívia, Peru e Equador. 1ed.Curitiba. Em: . : Letra da Lei. 2016.v. 1, p. 11-13.

      WANDSCHEER, CLARISSA BUENO; SALES, J. O.. A regulação da exploração mineral no Brasil segundo as normas constitucionais e seus desdobramentos. Em: Clarissa Bueno Wandscheer; Carlos Frederico Marés de Souza Filho. (Org.). Mineração e Povos Indígenas: Brasil, Colômbia, Bolívia, Peru e Equador. 1ed.CURITIBA. : Letra da Lei. 2016.v. 1, p. 18-30.

      WANDSCHEER, CLARISSA BUENO; ROTERS, E. A.. Legislação Mineira no Peru. Em: Clarissa Bueno Wandscheer; Carlos Frederico Marés de Souza Filho. (Org.). Mineração e Povos Indígenas: Brasil, Colômbia, Bolívia, Peru e Equador. 1ed.CURITIBA. : Letra da Lei. 2016.v. 1, p. 96-105.

      CALEIRO, M. M. ; WANDSCHEER, C. B.. Sistemas Jurídicos Originários: entre o plural e o diverso. Em: Maria Cristina Vidotte Blanco Tarrega. (Org.). Estados e povos na América Latina Plural. 1ed.Goiás. : Ed. PUC de Goiás. 2016.v. 1, p. 151-177.

      WANDSCHEER, C. B. O carnaval sob um ângulo constitucional: direitos culturais e ambientais. Em: Fernanda Schaefer e Karin Cristina Bório Mancia. (Org.). Carnaval: os efeitos jurídicos da folia. 1ed.Curitiba. : Juruá. 2014.v. 1, p. 87-99.

      WANDSCHEER, C. B.; MORAIS, I. S. R.. Gestão dos Territórios Indígenas: desafios estruturais. Em: Carlos Frederico Marés de Souza Filho; Raul Cezar Bergold. (Org.). Os direitos dos povos indígenas no Brasil: desafios no século XXI.. 1ed.Curitiba. : Letra da Lei. 2013.v. 1, p. 217-236.

      WANDSCHEER, C. B.; REIS, C. D.. CONFLITOS E CONVERGÊNCIAS ENTRE PROPRIEDADE E CONHECIMENTOS TRADICIONAIS. Em: Carlos Frederico Marés de Souza Filho; Raul Cezar Bergold. (Org.). Os direitos dos povos indígenas no Brasil: desafios no século XXI.. 1ed.Curitiba. : Letra da Lei. 2013.v. 1, p. 237-262.

      WANDSCHEER, C. B.; MYSZCZUK, A. P. ; SANTOS, R. R. dos. Damage Caused by GMOs under Brazilian Law. Em: Bernhard A. Koch. (Org.). Damage Caused by Genetically Modified Organisms: comparative survey of redress options for harm to persons, property or the environment. 1ed.Berlin, New York. : DE GRUYTER. 2010.v. 27, p. 624-662.

      WANDSCHEER, C. B. Indigine Völker, Traditionelle Gemeinschaften und ihre natürlichen Ressourcen: Gedanken über Biopiraterie in Brasilien und Aneignung natürlicher Ressourcen durch transnationale Unternhmen. Em: Gert Egon Dannemann e Irene Haagen. (Org.). Handel mit Natur und Umwelt. 1ed.Aache - Germany. : Shaker Verlag. 2010.v. 41, p. 61-73.

      WANDSCHEER, C. B. Biodiversidade e Conhecimento Tradicional. Em: Patrícia Luciane de Carvalho. (Org.). Propriedade Intelectual: estudos em homenagem à Professora Maristela Basso. 1ed.Curitiba. : Juruá. 2008.v. 2, p. 357-375.

      WANDSCHEER, C. B.; SOUZA FILHO, C.F.M.. Proteção Constitucional, seu processo de elaboração e seus reflexos sociais: causas de uma crise constitucional. Em: CONPEDI. (Org.). XVII Encontra Preparatório para o Congresso Nacional do CONPEDI. 17ed.Florianópolis. : Fundação Boiteux. 2008.p. 3879-3894.

      WANDSCHEER, C. B. Impactos da Legislação Nacional na Proteção de Saberes Tradicionais: contribuição para sua reprodução ou mecanismmos para a sua extinção?. Em: CONPEDI. (Org.). XVII Congresso Nacional do CONPEDI. Florianópolis. : Fundação Boiteux. 2008.p. 6337-6358.

      MYSZCZUK, A. P. ; WANDSCHEER, C. B.. Considerações sobre instrumentos econômicos de defesa do meio ambiente para garantia do desenvolvimento sustentável: análise a partir da constituição federal de 1988 e do Protocolo de Kyoto. Em: CONPEDI. (Org.). XVII Congresso Nacional do CONPEDI. Florianópolis. : Fundação Boiteux. 2008.p. 2225-2251.

      WANDSCHEER, C. B. Reflexões sobre a biopirataria, biodiversidade e sustentabilidade. Em: Letícia Borges da Silva; Paulo Celso de Oliveira. (Org.). Socioambientalismo: uma realidade. Curitiba. : Juruá. 2007.p. 63-78.

      WANDSCHEER, C. B. Desrespeito ao Direito Fundamental à água: o Caso do Parque Indígena do Xingu. Em: Flávia Piovesan. (Org.). Direitos Humanos. 1ed.Curitiba. : Juruá. 2006.v. 1, p. 204-220.

      WANDSCHEER, C. B. Integração e Proteção das Comunidades de Remanescentes de Quilombos com Base nos Princípios e Normas Constitucionais Brasileiras: uma questão de justiça social. Em: Ana Paula Liberato. (Org.). Direito Socioambiental em Debate. Curitiba. : Juruá. 2006.p. 37-68.


    Textos em jornais de notícias/revistas(2)


      WANDSCHEER, C. B. Já há cláusula de barreira, por que outra?. Jornal de Fato, 22 set. 2016.

      WANDSCHEER, C. B. Já há cláusula de barreira, por que outra?. Gazeta do Povo, Curitiba, 19 set. 2016.


    Trabalhos completos publicados em anais de congressos(4)


      NANAMI, A. ; ROSA, L. A. ; WANDSCHEER, C. B.. Curitiba, Desenvolvimento Humano, Sustentabilidade e Resiliência: uma análise de dados. Em: Congresso Brasileiro de Direito Ambiental 30 anos da Constituição ecológica: desafios para a governança ambiental, v. 2, p. 42-54, 2018.

      Qualis: Não identificado (Congresso Brasileiro de Direito Ambiental 30 anos da Constituição ecológica: desafios para a governança ambiental)

      WANDSCHEER, C. B. Causas de los conflictos entre los derechos de los pueblos indígenas, el Estado y la economía. Em: VII Congreso Inrternacional Red Latinoamericano de Antropología Jurídica, v. 1, 2010.

      Qualis: Não identificado (VII Congreso Inrternacional Red Latinoamericano de Antropología Jurídica)

      WANDSCHEER, C. B. Povos indígenas, comunidades tradicionais e seus recursos naturais: breves reflexões sobre a biopirataria no Brasil e a apropriação por empresas transnacionais. Em: V Congreso de La Red Latinoamericana de Antropología Jurídica, 2006.

      Qualis: Não identificado (V Congreso de La Red Latinoamericana de Antropología Jurídica)

      WANDSCHEER, C. B. Contratos e Biotecnologia. Em: 3 Congresso Brasileiro do Ministério do Meio Ambiente e 2 Encontro Regional do Instituto, p. 99-106, 2003.

      Qualis: Não identificado (3 Congresso Brasileiro do Ministério do Meio Ambiente e 2 Encontro Regional do Instituto)


    Resumos publicados em anais de congressos(5)


      WANDSCHEER, C. B.; AGOSTINI, A. M.. Os impactos da produção de energia hidrelétrica nas comunidades tradicionais: o estudo do caso dos quilombos do Vale da Ribeira. Em: VIII Congreso Internacional de La Red Latinoamericana de Antropología Jurídica - RELAJU, 2012, Sucre - Bolívia. El pluralismo jurídio en América Latina: visiones críticas desde la teoría y la práctica. La Paz - Bolívia: Relaju, v. 1, p. 143-143, 2012.

      WANDSCHEER, C. B.; SOUZA FILHO, C.F.M.. Estado e Diversidade. Em: XV Seminário de Iniciação Científica e IX Mostra de Pesquisa da PUCPR, 2007, Curitiba. XV Seminário de Iniciação Científica e IX Mostra de Pesquisa da PUCPR. Curitiba: Editora Universitária Champagnat, v. 1, p. 143-143, 2007.

      WANDSCHEER, C. B. Common Resources in Brazil: biopiracy, bioprospection, biotechnology. Em: The 11th Biennial Conference of the International Association for the Study of Common Property - IASCP, 2006, Ubud - Bali. The 11th Biennial Conference of the International Association for the Study of Common Property - IASCP. Bogor, Indonésia: IASCP, v. 1, p. 351-352, 2006.

      WANDSCHEER, C. B. Os recursos de uso comum no Brasil. Em: Tenth Biennieal Conference of the International Association for the Study of Common Property, 2004, Oaxaca. Tenth Biennieal Conference of the International Association for the Study of Common Property: los recursos de uso común en una era de transición global: retos, riesgos y oportunidades. Oaxaca, v. 1, 2004.

      WANDSCHEER, C. B. O desrespeito ao direito fundamental à água: o caso do parque indígena do xingu. Em: V Mostra de Pesquisa da PUCPR-CNPq, 2003, Curitiba. V Mostra de Pesquisa da PUCPR - CNPq. Curitiba, p. 58-58, 2003.


    Apresentações de trabalho(35)


      STRAPAZZON, CARLOS LUIZ; WANDSCHEER, C. B.. (Granada, Espanha) Plano Plurianual, Direitos Sociais e a Agenda 2030 do Desenvolvimento Sustentável. 2019. Apresentação de Trabalho/Congresso

      WANDSCHEER, C. B.; ROSA, L. A.. Cidade Sustentável e Resiliente: uma análise do Município de Curitiba. 2018. Apresentação de Trabalho/Outra

      WANDSCHEER, C. B. Simpósio de Direito Ambiental - 30 anos da Proteção Constitucional do Meio Ambiente. 2018. Apresentação de Trabalho/Simpósio

      ROSA, L. A. ; WANDSCHEER, C. B.. Curitiba, Desenvolvimento Humano, Sustentabilidade e Resiliência: uma análise de dados. 2018. Apresentação de Trabalho/Congresso

      WANDSCHEER, CLARISSA BUENO. Diálogos sobre o Brasil. 2017. Apresentação de Trabalho/Seminário

      WANDSCHEER, C. B. Conflitos Socioambientais. 2015. Apresentação de Trabalho/Congresso

      WANDSCHEER, C. B. Bionegócios e conhecimento tradicional. 2014. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. Biodiversidade e Organismos Geneticamente Modificados. 2013. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. Segurança Alimentar. 2012. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. Áreas de Preservação Permanente: um estudo comparado. 2011. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. Derecho Constitucional y Medio Ambiente. 2011. Apresentação de Trabalho/Seminário

      WANDSCHEER, C. B. Causas de los conflictos entre los derechos de los pueblos indígenas, el Estado y la economía. 2010. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. La consulta para el nuevo estatuto de los pueblos indígenas, las reivindicaciones y las propuestas: el caso brasileño. 2009. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. El Estado: deber de protección a la biodiversidad y a la diversidad social. 2009. Apresentação de Trabalho/Seminário

      WANDSCHEER, C. B. Participación indígena en la elaboración legislativa. 2009. Apresentação de Trabalho/Seminário

      WANDSCHEER, C. B.; SOUZA FILHO, C.F.M.. Proteção Constitucional seu processo de elaboração e seus reflexos socias: causas de uma crise constitucional. 2008. Apresentação de Trabalho/Congresso

      WANDSCHEER, C. B. Impactos da legislação nacional na proteção dos saberes tradicionais: contribuição para a sua reprodução ou mecanismo para a sua extinção?. 2008. Apresentação de Trabalho/Congresso

      MYSZCZUK, A. P. ; WANDSCHEER, C. B.. Considerações sobre instrumentos econômicos de defesa do meio ambiente para garantia do desenvolvimento sustentável: análise a partir da Constituição Federal de 1988 e do Protocolo de Kyoto. 2008. Apresentação de Trabalho/Congresso

      MYSZCZUK, A. P. ; WANDSCHEER, C. B.. Meio ambiente e desenvolvimento sustentável: instrumentos econômicos de proteção e o protocolo de Kyoto. 2008. Apresentação de Trabalho/Congresso

      WANDSCHEER, C. B. Direitos Socioambientais e a Constituição Brasileira. 2007. Apresentação de Trabalho/Simpósio

      WANDSCHEER, C. B. Biopirataria e empresas transnacionais: algumas reflexôes. 2007. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. A EFETIVAÇAO AOS DIREITOS TERRITORIAIS QUILOMBOLAS: uma forma de escapar da pobreza e garantir a inclusão social. 2007. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. Cultura e Tecnologia. 2007. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. Povos Indígenas, comunidades tradicionais e seus recursos tradicionais. 2007. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B.; SOUZA FILHO, C.F.M.. Estado e Diversidade. 2007. Apresentação de Trabalho/Outra

      WANDSCHEER, C. B. Common Resources in Brazil: biopiracy, bioprospection adn biotechnology. 2006. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. Povos indígenas, comunidades tradicionais e seus recursos naturais: breves reflexões sobre a biopirataria no Brasil e a apropriação por empresas transnacionais. 2006. Apresentação de Trabalho/Congresso

      WANDSCHEER, C. B.; SILVA, L. B. ; COLNAGHI, M.. Estado, Diversidade e Direitos Humanos: em busca da emancipação dos povos. 2006. Apresentação de Trabalho/Congresso

      WANDSCHEER, C. B. Propriedade Intelectual. 2005. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. Patentes na área tecnológica propriedade intelectual como ferramenta na gestão do conhecimento. 2005. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. Os Recursos de Uso Comum no Brasil. 2004. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra

      WANDSCHEER, C. B. Direito Humano Fundamental à Água: o caso do Parque Indígena do Xingu. 2003. Apresentação de Trabalho/Outra

      WANDSCHEER, C. B. Zoneamento Ecológico Econômico. 2003. Apresentação de Trabalho/Outra

      WANDSCHEER, C. B. 3 Congresso Brasileiro do Ministério Público de Meio Ambiente. 2003. Apresentação de Trabalho/Congresso

      WANDSCHEER, C. B. O Direito Sócio-ambiental na Constituição Federal de 1988 e sua eficácia. 2003. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra


    Demais tipos de produção bibliográfica(2)


      WANDSCHEER, C. B.; MELVILLE, R.. Antropologia e a indústria rural na China. Curitiba: Raízes Jurídicas: revista de graduação e especialização em Direito. 2016. Tradução/Artigo

      WANDSCHEER, C. B.; OSPINA, G. A.. Multiculturalismo e conservação da biodiversidade. curtiiba: Revista Sociedade - revista de ciẽncias sociais aplicadas. 2012. Tradução/Artigo


Produção técnica


      Trabalhos técnicos(6)


        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo/poster submetido com o seguinte código identificador nWoqBfw5ty6X9EWZ. 2018.

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo/poster submetido com o seguinte código identificador XtA84sINJU60lg94. 2018.

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo/poster submetido com o seguinte código identificador wuFTp4PWe53IAfTu. 2018.

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo/poster submetido com o seguinte código identificador 4p50kQR0lft7N6d3. 2018.

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo/poster submetido com o seguinte código identificador n9bNc9607053bo31. 2018.

        WANDSCHEER, C. B. Parecer técnico-científico sobra a obra: Inovações do Direito Ambiental + Biodireito e biodiversidade. 2012.


      Demais tipos de produção técnica(49)


        WANDSCHEER, C. B. Aula na Disciplina de Seminários de Desenvolvimento Rural do Programa de Pós-Graduação em Planejamento e Governança Pública da UTFPR. 2018. Curso de curta duração ministrado/Outra

        GIAMBERARDINO, André Ribeiro. Parecer para a edição n.20 ano XV da Revista Opinião Jurídica. 2017. Parecerista Ad hoc

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo submetido com o código identificador do artigo: 67d0L4akj5bEnG3s. 2017. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo submetido com Código Identificador do artigo: Ljph1UKuan700OZh. 2017. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com Código Identificador do artigo: 6TKgqtI7if5yZ06g. 2017. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Parecer para a Revista Opinião Jurídica ? (ISSN 1806-0420), Qualis A-2, emitindo um parecer para a edição relativa ao n. 21, ano XV, jul./dez. 2017. 2017. Parecer técnico

        WANDSCHEER, CLARISSA BUENO. Avaliação do artigo intitulado: ?MARCO CIVIL DA INTERNET, NEUTRALIDADE DE REDE E SUA RELAÇÃO COM A LIBERDADE COMO DIREITO DA PERSONALIDADE?. 2017. Parecer técnico

        ROTERS, E. A. ; WANDSCHEER, C. B.. Participação Popular na Criação e Gestão de Unidades de Conservação. 2016. Relatório de pesquisa

        WANDSCHEER, CLARISSA BUENO; SOUZA FILHO, C.F.M. ; HERNANDEZ, A. A. R. ; LEMOS, C. ; ROTERS, E. A. ; VANESKI FILHO, E. ; BRAGA, F. R. ; SALES, J. O.. Relatório de Pesquisa para Ford Foundation do Grupo de Pesquisa do Grupo Meio Ambiente. 2016. Relatório de pesquisa

        WANDSCHEER, C. B. O Caráter Simbólico da Circulação do Sangue: uma reflexão sobre a exploração das informações genéticas de povos indígenas. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação do artigo com código 8uHg9f4L6L9QqGZP da linha de pesquisa direito e sustentabilidade. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com código xl4D49g5AQm7G9n7 da linha de pesquisa Direito ambiental e socioambientalismo. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com código 93fTk6LgB7FV8lsM da linha de pesquisa direito ambiental e socioambientalismo. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com código Lbj4V3Vl80I5nTk9 da linha de pesquisa direito ambiental e socioambientalismo. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com identificador 1X30h1Kp73PDzlwl na linha de pesquisa DIREITO E SUSTENTABILIDADE para o XXV Congresso Nacional do CONPEDI. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação do artigo com código 1X30h1Kp73PDzlwl da linha de pesquisa direito e sustentabilidade. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com identificador 7fdsPu4Bnr7cAnjl para a linha de pesquisa Direito e Sustentabilidade. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com identificador 7nbTKXxf502h0OI3 para a linha de pesquisa Direito e Sustentabilidade. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com identificador 7hwZtjOB14k7M5Em para a linha de pesquisa Direito Ambiental e Socioambientalismo. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com identificador LH0NTw6wUgs9E7iP para a linha de pesquisa Direito Agrário e Agorambiental. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com identificador d3qS1uq80SdG1YQp para a linha de pesquisa Direito Agrário e Agorambiental. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com identificador MV4gsSqUQXmYS2Z2 para a linha de pesquisa Direito e Sustentabilidade. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com identificador QNlrBO5TUCDOHv70 para a linha de pesquisa Direito e Sustentabilidade. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, CLARISSA BUENO. XVI Encontro de Pós-graduação e Pesquisa da UNIFOR. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, CLARISSA BUENO. VII Encontro de Pesquisa e Iniciação Científica da Universidade Positivo - EPIC 2016. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo código Utd6qBR8hBjCN7M6 linha de pesquisa Direito Agrário e Agroambiental. 2016. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Gestão Urbana e Estatuto da Cidade - na Pós-graduação Latu sensu em Direito Administrativo e Gestão Pública. 2015. 2015.

        WANDSCHEER, C. B. Corpo Editoral do VII Seminário de Pesquisa da Estácio III Jornada de Iniciação Científica da UNESA. 2015. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com código : t091Y1xsN36HBL6j da linha de pesquisa direito agrário e agroambiental. 2015. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com código GGXXucwUEe6rW01s da linha de pesquisa direito e sustentabilidade. 2015. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com código sgEZbH9JdIF0JH5e da linha de pesquisa direito ambiental e socioambientalismo. 2015. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com código r02Y08wm59nY1f3M da linha de pesquisa direito ambiental e socioambientalismo. 2015. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com código H0JqXe361s1xDb25 da linha de pesquisa direito ambiental e socioambientalismo. 2015. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com código 061WJ7O9Zi2AxC81 da linha de pesquisa direito agrário e agroambiental. 2015. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Avaliação de artigo com código 3HuqbO8J4AgkM3Or da linha de pesquisa direito agrário e agroambiental. 2015. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Parecer técnico sobre a obra Teoria da Constituição e do Estado. 2013. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Parecer técnico sobre a obra :responsabilidade civil e penal ambiental, aspectos processuais ambientais e licenciamentos ambientais. capítulo: aspectos processuais ambientais. 2013. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Parecer técnico sobre a obra: direito ambiental internacional. 2013. Parecer técnico

        WANDSCHEER, C. B. Direito Indígena. 2012. Curso de curta duração ministrado/Extensão

        WANDSCHEER, C. B.; MYSZCZUK, A. P. ; SANTOS, R. R. dos. Liability and Redress Mechanisms for Damage Caused by GMOs. 2009. Relatório de pesquisa

        BELNOSKI, Alexsandra Marilac. Direito Ambiental. 2008. Curso de curta duração ministrado/Especialização

        SOUZA FILHO, C.F.M. ; WANDSCHEER, C. B. ; PACHECO, R. A. S. ; GUARANY, V. M. M. ; SOUZA, T. B. M. ; PACHECO, C. R. ; BONIN, L. X.. Estatuto dos Povos Indígenas Uma Análise em Face das Determinações Constitucionais e Internacionais. 2008. Relatório de pesquisa

        WANDSCHEER, C. B. Tópicos de Legislação Urbanística e Ambiental. 2006. 2006.

        WANDSCHEER, C. B. Direito e Legislação ambiental: construção de uma ética ecológica - Especialização em Gestão Ambiental. 2006. Curso de curta duração ministrado/Especialização

        WANDSCHEER, C. B. Biodiversidade e Conhecimentos Tradicionais - Especialização em Direito Socioambiental. 2005. 2005.

        WANDSCHEER, C. B. Direito e legislação ambiental - Especialização em Gestão Ambiental. 2005. 2005.

        WANDSCHEER, C. B. Biodiversidade e Conhecimento Tradicional - Especialização em Direito Socioambiental. 2004. 2004.

        WANDSCHEER, C. B. Tópicos em Legislação Urbanística e Ambiental - Especialização em Cidade, Meio Ambiente e Políticas Públicas. 2004. 2004.

        WANDSCHEER, C. B. Biodiversidade e Conhecimento Tradicional - Especialização em Direito Socioambiental. 2003. 2003.


    Produção artística


      Orientações em andamento


        Supervisões e orientações concluídas


            Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização(6)


              Átila de Melo Delgado e Larissa Karla de Paula Sá. Plano de Gerenciamento de Resíduos de Servico de Saúde Fundamentado na Resolução 306/2004 da ANIVSA. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gestão Ambiental) - Faculdade Padre João Bagozzi, . 2004.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.

              Amilton Marcos de Almeida e Sandro Camilo Rocha Rancy. Diagnóstico dos aspectos impactantes em ambiente hospitalar. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gestão Ambiental) - Pós-Graduação Bagozzi, . 2007.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.

              José Ferando Marucci e Roseli de Lurdes Rodrigues Vanzo. Servidão Florestal. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gestão Ambiental) - Faculdade Padre João Bagozzi, . 2006.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.

              Kassia Chriciela Ulrich Grubisich e Leonardo Bucaneve. A Licença Ambiental. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gestão Ambiental) - Faculdade Padre João Bagozzi, . 2006.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.

              Diego Diniz Medroni. Necessidade de EPIA/RIMA para instalação de atividades turísticas. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Direito Socioambiental) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná, . 2003.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.

              Cristiane Ferrer. Patenteamento, comercialização do Patrimônio Genético e Bioética: reflexos à sociodiversidade. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Direito Socioambiental) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná, . 2003.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.


            Trabalho de conclusão de curso de graduação(7)


              Ironaldo Pereira de Deus. Proteção dsa florestas no direito brasileiro. (Graduação em Direito) - Faculdade Estácio de Curitiba, . 2012.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.

              Hector Hernando Leitão de Basabe. Proteção da fauna. (Graduação em Direito) - Faculdade Estácio de Curitiba, . 2012.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.

              Julia Maria Nazário Valenza. Política agrária e sustentabilidade em projetos de assentamento da reforma agrária. (Graduação em Direito) - Fundação de Estudos Sociais do Paraná, . 2012.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.

              Luis Guilherme Brandt Goetzke. O procedimento do licenciamento ambiental: caso das pequenas centrais hidrelétricas. (Graduação em Direito) - Fundação de Estudos Sociais do Paraná, . 2012.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.

              Telma Vieira. Desenvolvimento econômico e a proteção ambiental: impacto das catátrofes ambientais. (Graduação em Direito) - Fundação de Estudos Sociais do Paraná, . 2012.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.

              Jovelino Luiz Strapasson. Responsabilidade ambiental administrativa. (Graduação em Direito) - Faculdade Estácio de Curitiba, . 2012.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.

              José Carlos Aguiar. Súmulas Vinculantes. (Graduação em Bacharelado em Direito) - Faculdade Metropolitana de Curitiba, . 2011.
              Orientador: Clarissa Bueno Wandscheer.


          Projetos de pesquisa

            Total de projetos de pesquisa(5)


              2018-Atual. Analisar a efetividade da aplicacao das leis nacionais e a aproximacao ao ODS 15 para a recuperacao de ecossistemas degradados por acidentes ambientais no Brasil a partir de estudos de caso
              Descrição: Projeto de Iniciação Científica aprovado para o Ciclo 2018-2019. O projeto de iniciação científica se propõe a identificar os esforços, principalmente, do Governo brasileiro em se aproximar do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável 15 que estabelece aos Estados Partes ?Proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, deter e reverter a degradação da terra e deter a perda de biodiversidade. O estudo estará centrado nas teorias sobre desenvolvimento humano e sustentável a partir da análise de casos concretos. Os casos concretos que serão analisados correspondem aos desdobramentos dos acidentes ambientais ocorridos no Brasil no período de 2010 a 2019. A análise envolverá o tipo de desastre ambiental, qual o desdobramento administrativo ou judicial dado ao caso, a capacidade de solução do problema, ou seja, de que forma o ambiente foi restaurado ou o dano compensado e, por fim, o impacto na atividade econômica, analisando se há ou não a possibilidade de retomar à atividade que causou a degradação estudada.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (3) . Integrantes: Clarissa Bueno Wandscheer - Coordenador / Carolina de Paula Carneiro Costa - Integrante / Cezar Augusto Dranka - Integrante / Maria Cecília Abbud - Integrante.
              Membro: Clarissa Bueno Wandscheer.

              2018-Atual. Mapear as legislacoes nacional e estaduais existentes sobre Servicos Ambientais e ODS15
              Descrição: Projeto de Iniciação Científica aprovado para o ciclo 2018-2019 (PIC Ciclo 2018-2019) Mapear as legislações nacional e estaduais existentes sobre Serviços Ambientais como forma de proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres, gerir de forma sustentável as florestas, combater a desertificação, deter e reverter a degradação da terra e deter a perda de biodiversidade conforme o Objetivo de Desenvolvimento Sustentável ? ODS ? 15.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (2) . Integrantes: Clarissa Bueno Wandscheer - Coordenador / Luciana Araujo da Rosa - Integrante / Alessandra Bianeck - Integrante.
              Membro: Clarissa Bueno Wandscheer.

              2017-2018. Desenvolvimento Humano, sustentabilidade e cidades resilientes: o Caso de Municipio de Curitiba
              Descrição: O desenvolvimento humano é apresentado por Amartya Sem como uma melhora das condições de vida e de liberdades das pessoas. Dessa forma, ?o desenvolvimento tem de estar relacionado sobretudo com a melhora da vida que levamos e as liberdades que desfrutamos (SEN, 2000. p.29)?. O desenvolvimento humano tem como fim o próprio homem no sentido de que propõe uma melhoria em sua vida. Mas essa melhoria não se limita à um aumento de renda ou à um melhor desempenho econômico de sua região em comparação com o resto do mundo. O desenvolvimento não se limita ao crescimento da econômica e do PIB ele está, também, relacionado com a garantia de um ambiente sadio onde os seres humanos possam fazer livremente suas escolhas de, por exemplo: o que comer, onde morar, o que vestir, onde trabalhar, ter ou não filhos, etc. E nesse contexto é imprescindível analisar as cidades, principalmente no Brasil, onde a maior parte da população está concentrada em zonas urbanas e regiões metropolitanas. A necessidade de tornar as cidades resilientes e sustentáveis, ou seja, de diminuir o impacto ambiental das cidades; incentivar o planejamento urbano para a proteção cultural e ambiental; e, aumentar os esforços para uma urbanização inclusiva (participativa) e sustentável é uma preocupação internacional defendida pela Organização das Nações Unidas (ONU). A preocupação das Nações Unidas é explícita na agenda do Programa da Nações Unidas para o desenvolvimento (PNUD) para o período, 2015-2030, no qual a ONU apresenta 17 objetivos de desenvolvimento sustentável (ODS), esses objetivos foram aprovados na reunião da Assembleia Geral da ONU em setembro de 2015. Na apresentação desses objetivos o PNUD esclarece que é necessário respeitar a sustentabilidade social, ambiental e econômica . Uma vez que as regras de proteção e respeito ao meio ambiente não serão respeitadas enquanto houver um desequilíbrio nas relações sociais e econômicas. Como o Brasil participar da ONU e se compromete a cumprir as metas o Tribunal de Contas da União já se pronunciou publicamente que irá a partir de 2017 implementar um projeto piloto para verificar, junto com a prestação de contas estaduais e federal, o cumprimento e/ou atingimento dos 11 ODS (com a plataforma (http://portal.tcu.gov.br/inovatcu/inicio.htm). O envolvimento de todas as entidades federadas é essencial para o cumprimento dos ODS. E o município (cidades) é parte fundamental como indica o ODS 11. Para essa pesquisa a proposta é analisar a situação do município de Curitiba frente as metas relacionadas ao objetivo 11. Objetivo geral é realizar uma análise da situação do município de Curitiba frente ao ODS 11 e o desenvolvimento humano. Objetivos específicos são: (a) identificar como o meio ambiente impacto na melhoria do desenvolvimento humano; (b) identificar as normas municipais que atendam ao ODS 11 e suas metas; (c) analisar as políticas públicas implementadas pelo município de Curitiba para o cumprimento do ODS 11 e suas metas; (d) identificar as discussões legislativas perante a Câmara Municipal que se relacionem com o cumprimento do ODS 11 e suas metas; (e)apresentar uma análise crítica da situação do Município de Curitiba quanto ao cumprimento do ODS 11 e suas metas.. Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (2) . Integrantes: Clarissa Bueno Wandscheer - Coordenador / Luciana Araujo da Rosa - Integrante / Ayumi Nanami - Integrante.
              Membro: Clarissa Bueno Wandscheer.

              2016-Atual. Inovacoes tecnologicas, economicas e juridicas para a sustentabilidade
              Descrição: As discussões sobre sustentabilidade remontam o século passado, quando da elaboração do relatório Brundtland pela Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, intitulado ?Nosso Futuro Comum?, publicado em 1987. Nessa perspectiva, a sustentabilidade estava focada no desenvolvimento sustentável que seguia a lógica do crescimento econômico para o atendimento de necessidades básicas da população mundial como alimentos, roupas, habitação e emprego. Desse ponto de vista o desenvolvimento sustentável só poderia ser atingido com o crescimento econômico. Contudo, esse crescimento promoveu o uso intensivo de recursos naturais ignorando suas consequências para a humanidade. Assim, se o desenvolvimento tecnológico e industrial propiciou, por um lado, uma maior acessibilidade aos bens de consumo pela sociedade, por outro lado, elevou as possibilidades da ocorrência de situações de risco expondo as pessoas a uma realidade até então desconhecida. A sociedade do final do século XX e início do século XXI assistiu e ainda assiste à aproximação dos diversos ?mundos?, até então apartados por aparentes antagonismos e incomunicabilidades que cedem, a cada dia, diante da própria evolução tecnológica. Muito mais do que nos referirmos a ?crises? de toda ordem, certamente incidentes ao longo da história, parece que estamos vivenciando um momento no qual, a partir da real transição dos sistemas políticos e econômicos, causados ou agravados pelo fenômeno da globalização, percebe-se a imprescindível necessidade de reconstrução das formas de correlacionamento social, o que demanda respostas adequadas e intrinsecamente compartilhadas por parte dos diversos ordenamentos jurídicos comunitários. Dessa forma, a ?velha novidade? que se apresenta diz respeito à compreensão de que a sociedade não apenas necessita como deseja a elaboração de modelos que correspondam às expectativas médias de uma vida digna, que não pode prescindir de um olhar coletivo, solidário e corresponsável para a concretização dos direitos fundamentais. Nesse sentido, desenvolvimento sustentável significa mais do que mero crescimento, relacionando-se a perspectivas econômicas, sociais e ambientais. A multidimensionalidade da responsabilidade pela sustentabilidade passa a exigir a sinergia entre cidadãos, organizações econômicas e sociais e governos, que devem estar atentos para as necessidades de cada país e região. É possível perceber a inter-relação entre o sistema econômico, as atividades empresariais, os padrões de consumo (individuais ou de grupos) para se atingir o desenvolvimento humano e sustentável. As inovações nos campos jurídico e tecnológico, por meio de renovados marcos regulatórios e modelos econômicos são imprescindíveis para mitigar os múltiplos impactos já causados. O problema central a ser investigado pelo projeto relaciona-se à forma pela qual o direito, a tecnologia e as relações de consumo interferem na sustentabilidade, fomentando a reflexão sobre a relação do direito e da economia a partir de novos modelos econômicos e de negócios. Será avaliada a eficácia dos instrumentos jurídicos quanto à identificação e exigibilidade das corresponsabilidades para a sustentabilidade multidimensional. Por fim, a pesquisa objetiva instigar a investigação científica e a capacitação dos diversos operadores do sistema de justiça para o trato de questões inovadoras que envolvam desenvolvimento humano, sustentabilidade, tecnologia e atividade econômica de forma propositiva, resolutiva e analítica.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (4) . Integrantes: Clarissa Bueno Wandscheer - Coordenador / Thaís Goveia Pascoaloto Venturi - Integrante / Dálcio Roberto dos Reis - Integrante.
              Membro: Clarissa Bueno Wandscheer.
              Descrição: As discussões sobre sustentabilidade remontam o século passado, quando da elaboração do relatório Brundtland pela Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, intitulado ?Nosso Futuro Comum?, publicado em 1987. Nessa perspectiva, a sustentabilidade estava focada no desenvolvimento sustentável que seguia a lógica do crescimento econômico para o atendimento de necessidades básicas da população mundial como alimentos, roupas, habitação e emprego. Desse ponto de vista o desenvolvimento sustentável só poderia ser atingido com o crescimento econômico. Contudo, esse crescimento promoveu o uso intensivo de recursos naturais ignorando suas consequências para a humanidade. Assim, se o desenvolvimento tecnológico e industrial propiciou, por um lado, uma maior acessibilidade aos bens de consumo pela sociedade, por outro lado, elevou as possibilidades da ocorrência de situações de risco expondo as pessoas a uma realidade até então desconhecida. A sociedade do final do século XX e início do século XXI assistiu e ainda assiste à aproximação dos diversos ?mundos?, até então apartados por aparentes antagonismos e incomunicabilidades que cedem, a cada dia, diante da própria evolução tecnológica. Muito mais do que nos referirmos a ?crises? de toda ordem, certamente incidentes ao longo da história, parece que estamos vivenciando um momento no qual, a partir da real transição dos sistemas políticos e econômicos, causados ou agravados pelo fenômeno da globalização, percebe-se a imprescindível necessidade de reconstrução das formas de correlacionamento social, o que demanda respostas adequadas e intrinsecamente compartilhadas por parte dos diversos ordenamentos jurídicos comunitários. Dessa forma, a ?velha novidade? que se apresenta diz respeito à compreensão de que a sociedade não apenas necessita como deseja a elaboração de modelos que correspondam às expectativas médias de uma vida digna, que não pode prescindir de um olhar coletivo, solidário e corresponsável para a concretização dos direitos fundamentais. Nesse sentido, desenvolvimento sustentável significa mais do que mero crescimento, relacionando-se a perspectivas econômicas, sociais e ambientais. A multidimensionalidade da responsabilidade pela sustentabilidade passa a exigir a sinergia entre cidadãos, organizações econômicas e sociais e governos, que devem estar atentos para as necessidades de cada país e região. É possível perceber a inter-relação entre o sistema econômico, as atividades empresariais, os padrões de consumo (individuais ou de grupos) para se atingir o desenvolvimento humano e sustentável. As inovações nos campos jurídico e tecnológico, por meio de renovados marcos regulatórios e modelos econômicos são imprescindíveis para mitigar os múltiplos impactos já causados. O problema central a ser investigado pelo projeto relaciona-se à forma pela qual o direito, a tecnologia e as relações de consumo interferem na sustentabilidade, fomentando a reflexão sobre a relação do direito e da economia a partir de novos modelos econômicos e de negócios. Será avaliada a eficácia dos instrumentos jurídicos quanto à identificação e exigibilidade das corresponsabilidades para a sustentabilidade multidimensional. Por fim, a pesquisa objetiva instigar a investigação científica e a capacitação dos diversos operadores do sistema de justiça para o trato de questões inovadoras que envolvam desenvolvimento humano, sustentabilidade, tecnologia e atividade econômica de forma propositiva, resolutiva e analítica.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa. Integrantes: Thaís Goveia Pascoaloto Venturi - Integrante / Clarissa Bueno Wandscheer - Coordenador / Dálcio Roberto dos Reis - Integrante.
              Membro: Thais Goveia Pascoaloto Venturi.

              2015-2016. Participacao Popular na Criacao e Gestao de Unidades de Conservacao
              Descrição: O projeto pretendeu analisar a participação social na proteção e conservação do meio ambiente em áreas de preservação, além de investigar se essa participação é realmente eficaz, ou seja, perceber o grau de comprometimento das pessoas nessas áreas de preservação e o seu reflexo na conservação da fauna e na flora brasileira. Por meio de pesquisas bibliográficas, tendo como autores fundantes Paulo Bessa Antunes e Juliana Gentili, além de análise documental (planos de manejo, portarias de criação de conselhos e decretos) nos quais buscou-se investigar a forma como as populações têm acesso as informações e as formas de proteção das unidades de conservação. Foi observado que as políticas públicas brasileiras se espelham historicamente em modelos internacionais que nem sempre se adéquam à realidade do país, além de percorrerem um longo caminho, com acertos e desacertos, até chegar ao modelo atual o qual está longe ainda de ser o ideal, mas que teve inúmeros avanços em prol de evitar abusos tanto do público quanto do particular nessas áreas. Os bons resultados obtidos até o momento indicam ser necessário cada vez mais que o Poder Público se una com os cidadãos em prol de uma melhor assistência ao meio ambiente.. Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa. Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) . Integrantes: Clarissa Bueno Wandscheer - Coordenador / Elisa Alberini Roters - Integrante. Número de produções C, T A: 1
              Membro: Clarissa Bueno Wandscheer.


          Prêmios e títulos

            Total de prêmios e títulos(1)


              Reconhecimento por serviços prestados no desenvolvimento ds dez anos, Famec - Faculdade Metropolitana de Curitiba.. 2010.
              Membro: Clarissa Bueno Wandscheer.


          Participação em eventos

            Total de participação em eventos(50)


              23 Congresso Brasileiro de Direito Ambiental/ 13 Congresso de Direito Ambiental dos Países de Língua Portuguesa e Espanhola /13 Congresso de Estudantes de Direito Ambiental. 2018. (Congresso).

              Atuação Compartilhando Boas Práticas. 2018. (Encontro).

              I Encontro Docente - Cenário Atual da Educação Superior Brasileiraa. 2018. (Encontro).

              I Encontro Docente - Compartilha Docência. 2018. (Encontro).

              I Encontro Docente - Reunião de Coordenadores. 2018. (Encontro).

              I Encontro Docente - Saúde Mental do Estudante Universitário. 2018. (Encontro).

              II Encontro Docente - Avaliação e Inovação Curricular. 2018. (Encontro).

              II Encontro Docente - Encontro dos Professores da Área de Humanas e Sociais Apllicadas. 2018. (Encontro).

              Reforma Trabalhista. 2018. (Outra).

              XXVII Encontro Nacional do CONPEDI. 2018. (Encontro).

              Simpósio Dia Mundial Sem Carro.Objetivos do Desenvolvimento Sustentável: histórico e perspectivas para o Brasil. 2017. (Simpósio).

              Colóquio Reflexões Sociológicas sobre as Relações entre Avanços Tecnológicos e Mudanças Sociais.. 2016. (Outra).

              X Simpósio Nacional de Direito Constitucional. 2012. (Simpósio).

              Derecho Constitucional, Ambiental y Procesal Penal. 2011. (Oficina).

              III Congresso Brasileiro de Direito Socioambiental. 2011. (Congresso).

              Jornada de Direito FAMEC: 20 anos de MERCOSUL, reflexões para o futuro. Áreas de Preservação Permanente: um estudo comparado. 2011. (Congresso).

              Seminario UTIC.Derecho Constitucional y Medio Ambiente. 2011. (Seminário).

              La palabra política en el espacio público y la construcción de la opinión. 2009. (Outra).

              Reflexiones teoricas en torno a los derechos de los pueblos indigenas. La consulta para el nuevo estatuto de los pueblos indígenas, las reivindicaciones y las propuestas: el caso brasileño. 2009. (Congresso).

              XXIII Congreso Nacional de Posgrado y Expo Posgrado 2009. 2009. (Congresso).

              Oficina Regional "Estatuto dos Povos Indígenas". 2008. (Oficina).

              O que você tem a ver com a corrupção. 2008. (Seminário).

              Workshop Acesso a conhecimento, acesso à saúde e patentes. 2008. (Oficina).

              XVII Congresso Nacional do CONPEDI. Impactos da Legislação Nacional na Proteção de Saberes Tradicionais: contribuição para a sua reprodução ou mecanismo para a sua extinção?. 2008. (Congresso).

              XVII Encontro Preparatório do CONPEDI. Proteção Constitucional seu processo de elaboração e seus reflexos socias: causas de uma crise constitucional. 2008. (Congresso).

              Conferência Latino-Americana de Direito e Relações Internacionais.Biopirataria e empresas transnacionais: algumas reflexôes. 2007. (Seminário).

              1 Congresso de Direito Socioambiental. Estado, Diversidade e Direitos Humanos: em busca da emancipação dos povos. 2006. (Congresso).

              Common Resources in Brazil: biopiracy, bioprospection and biotechnology. The 11th Biennial Conference of the International Association for the Study of Common Property (IASCP) - Survival of the Commons: Mounting Challenges and New Realities. 2006. (Congresso).

              II Encontro de Direito e Cultura Latino-Americanos: Diversidade, Identidade e Emacipação.II Encontro de Direito e Cultura Latino-Americanos: Diversidade, Identidade e Emancipação. 2006. (Encontro).

              Congresso Internacional de Polícia Comunitária do Estado do Paraná. 2005. (Congresso).

              Congresso Mercosul de Direito Ambiental. 2004. (Congresso).

              Seminário Brasil/Reino Unido - transferência de tecnologia: novos horizontes para o agronegócio. 2004. (Seminário).

              Tenth Biennieal Conference of the International Association for the Study of Common Property (IASCP) ? Los Recursos de Uso Común en una Era de Transición Global: Retos, Riesgos y Oportunidades.. Tenth Biennieal Conference of the International Association for the Study of Common Property (IASCP) ? Los Recursos de Uso Común en una Era de Transición Global: Retos, Riesgos y Oportunidades.. 2004. (Congresso).

              Agroecologia construindo uma política de fortalecimento e de enfrentamento ao problema dos agrotóxicos e transgênicos. 2003. (Seminário).

              Conferência Regional do Meio Ambiente. 2003. (Outra).

              Contratos e Biotecnologia. 3o. Congresso Brasileiro do Ministério Público de Meio Ambiente. 2003. (Congresso).

              Forum Social Mundial. 2003. (Outra).

              Jornada de Agroecologia - 2 Encontro Paranaense - ENA.Zoneamento Ecológico Econômico. 2003. (Encontro).

              Reforma da Previdência Social.Seminário Ítalo-Brasileiro de Direito do Trabalho. 2003. (Seminário).

              A Sociedade e o Meio Ambiente. 2002. (Outra).

              Primeiro Simpósio Paranaense de Direito Ambiental e Meio Ambiente. 2001. (Simpósio).

              Ciclo de Palestras - Sustentabildade e Direito Ambiental. 2000. (Congresso).

              Direito do Trabalho e Processo do Trabalho. 2000. (Congresso).

              Brasil 500 anos - Experiência e Destino - A outra margem do ocidente. 1999. (Outra).

              I Simpósito Nacional de Direito Constitucional. 1999. (Simpósio).

              Primeiro Seminário de Proteção Ambiental. 1999. (Simpósio).

              Simpósio Nacional sobre a Lei de Execução Penal. 1999. (Simpósio).

              Terceiro congresso nacional de ecoturismo. 1998. (Congresso).

              Terceiro Econtro Sul-Brasileiro de Estudantes de Direito. 1998. (Encontro).

              Semana do Calouro. 1997. (Outra).


          Organização de eventos

            Total de organização de eventos(5)


              SOUZA FILHO, C.F.M. ; WANDSCHEER, C. B. ; SILVA, L. A. L. ; MAMED, D. O.. Mesa sobre Conflitos Territoriais, apropriação da natureza e de saberes tradicionais. 2015. Congresso

              WANDSCHEER, C. B.; TARREGA, M. C. V. B.. Coordenação do Painel Direitos Territoriais, meio ambiente e alternativas de desenvolvimento. 2015. Congresso

              OSPINA, G. A. ; WANDSCHEER, C. B.. Simposio Usos de la Tierra, Propiedad y Diversidad Cultural en Conflicto - III Congreso Latinoamericano de Antropologia, ALA. 2012. Outro

              WANDSCHEER, C. B.; SOUZA FILHO, C.F.M. ; FERREIRA, H. S.. III Congresso Brasileiro de Direito Socioambiental. 2011. Congresso

              FERREIRA, H. S. ; WANDSCHEER, C. B. ; BARBOSA, C. M. ; SOUZA FILHO, C.F.M.. II Congresso Brasileiro de Direito Sociambiental - Seminário: Estatuto dos Povos Indígenas. 2008. Congresso


          Lista de colaborações

            Colaborações endôgenas(6)


              Clarissa Bueno Wandscheer ⇔ Thaís Goveia Pascoaloto Venturi(2.0)

                VENTURI, Thaís Goveia Pascoaloto; WANDSCHEER, C. B.. DESENVOLVIMENTO HUMANO E PRODUÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA NO BRASIL: UMA DISCUSSÃO SOBRE OS IMPACTOS. REVISTA JURÍDICA (FURB. ONLINE). v. 21, p. 109-132, issn: 1982-4858, 2017.

                Qualis: Não identificado (REVISTA JURÍDICA (FURB. ONLINE))

                VENTURI, Thaís Goveia Pascoaloto; WANDSCHEER, C. B.. O Desenvolvimento Sustentável e algumas Considerações Críticas ao Modelo Econômico Capitalista. NOVOS ESTUDOS JURÍDICOS (ONLINE). v. 21, p. 670-699, issn: 2175-0491, 2017.

                Qualis: Não identificado (NOVOS ESTUDOS JURÍDICOS (ONLINE))


              Clarissa Bueno Wandscheer ⇔ Anderson Marcos dos Santos(1.0)

                WANDSCHEER, C. B. O Direito Sócio-ambiental na Constituição Federal de 1988 e sua eficácia. 2003. Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra


              Clarissa Bueno Wandscheer ⇔ Alexsandra Marilac Belnoski(1.0)

                BELNOSKI, Alexsandra Marilac. Direito Ambiental. 2008. Curso de curta duração ministrado/Especialização


              Clarissa Bueno Wandscheer ⇔ Fernando Borges Mânica(1.0)

                MÂNICA, Fernando B.; WANDSCHEER, Clarissa Bueno. Desenvolvimento humano e sustentabilidade: as parcerias público-privadas na gestão de resíduos sólidos.. ARGUMENTUM (UNIMAR). v. 18, p. 479-501, issn: 2359-6880, 2017.

                Qualis: Não identificado (ARGUMENTUM (UNIMAR))


              Clarissa Bueno Wandscheer ⇔ André Ribeiro Giamberardino(1.0)

                GIAMBERARDINO, André Ribeiro. Parecer para a edição n.20 ano XV da Revista Opinião Jurídica. 2017. Parecerista Ad hoc


              Clarissa Bueno Wandscheer ⇔ Carlos Luiz Strapazzon(1.0)

                STRAPAZZON, CARLOS LUIZ; WANDSCHEER, C. B.. (Granada, Espanha) Plano Plurianual, Direitos Sociais e a Agenda 2030 do Desenvolvimento Sustentável. 2019. Apresentação de Trabalho/Congresso





          (*) Relatório criado com produções desde 1900 até 2019